15/01/2010

 é  infinita a estação da liberdade.

Um comentário:

Anônimo disse...

Infinita e incólume!